30 de novembro de 2016

Música Enka - Interpretação cantada






Apresentação Enka em região montanhosa em Saitama no Parque Torii Kannon num dia ensolarado, dia de Matsuri.

Enka significa canção interpretada, a junção dos kanjis atuar e música e   referia-se ao momento político quando foi criada entre a Era Meiji e Era Taishou ( 1900-1912 aproximadamente), era como se fosse um desabafo aos políticos da época, logo depois vieram palavras mais tristes como lágrimas, abandono, amor, tristeza...e assim tem sido até os dias hoje.

Um pouco nova na cultura nipônica em relação a outros costumes e seus apreciadores são maioria dos mais velhos, os antigos como dizem. Hoje o ritmo musical japonês é mais pop.

Maioria dos Matsuris ( festivais) não faltam o Taiko e Enka, fazem parte da tradição assim como futebol e samba estão para o Brasil. Alpes japoneses não fazem parte da cultura viu!

Quem se apresenta sem dúvida são as pessoas mais velhas, os jovens não tem interesse em fazer, até sentam para assistir mas não por muito tempo e esse é um dos medos dos mais velhos porque pouco a pouco essa tradição desaparecerá. Ao contrário do Taiko que viralizou pelo Mundo a música Enka não teve o mesmo caminho talvez porque fala de muita tristeza, dor, reclamações e num nihongo antigo. Os japoneses que foram embora do Japão há mais de 40/50 anos já não entendem todo o vocabulário cotidiano e também porque depois da segunda guerra muitas palavras foram inseridas ao vocabulário nipônico e outras tantas palavras em inglês também foram adicionadas e virou uma salada mista. Façam um teste , perguntem a um japonês que mora fora há mais de 4 décadas como se fala banheiro em nihongo e depois venham aqui me contar qual foi a resposta.

23 de novembro de 2016

Eu quero um amor





amor
Imagem Monica Maeda

  Eu quero um amor para viver e não um amor para recordar.

Eu quero aquele amor que te esquenta o frio na barriga, eu quero esse frio na barriga...

19 de novembro de 2016

Como usar o Ego

Coluna da Monica
Atena /Minerva


Seria de bom grado estar atento ao ego inflado porque ele pode te cegar e ensurdecer. Muito comum a pessoa querer ser vista e lembrada mas na contramão faz pouco caso do que o outro cria.

Gostam de mostrar o que fazem mas não se importam com o que os outros estão fazendo. 

Gostam de receber elogios mas não elogiam quem esta bem próximo.

Divulgam e compartilham apenas o que lhes deu prazer, e isso é normal, afinal ninguém compartilha o desprazer, mas o que daria prazer ao ego inflado? o que lhe sustenta? 

Gostam de ganhar favores sem oferecer nada em troca.

Gostam de serem apreciados mas pouco apreciam nos outros.

Receber um favor é como servir ao Rei, súditos fazem o favor ao Rei.

Nada de Freud e Kant aqui, porque existem textos já demasiadamente sobre esse mesmo tema e mais parecem cópia fiel de estudos de Freud e Kant. Claro eles foram ótimos mas vocês também devem ser. 

Particularmente quando inicio uma leitura e antes de chegar no segundo parágrafo vejo citações de Kant ou Marx termino ali a leitura. Será que ainda teremos que ouvir o que os outros disseram antes de nós para continuarmos? Seria falta de criatividade? O ego gosta de criações, use-o.

Percebe-se também em atividades de ensino quando muito se sabe e pouco se ouve , comumente propagam seu ensino mas pouco quer saber do ensino de outro. 

Sobre Kant e Marx e seus afiliados os conheci nos estudos de Metodologia cientifica e o ego sempre foi motivo de estudos para mim que sou curiosa a respeito do universo humano, os adorei mas chega. 

Que tal pegar o seu Ego para mostrar o novo para quem tem sede de conhecimento? Que tal agregar conhecimento usando o que tens de maior, ou seja, o seu  Eu.

10 de novembro de 2016

Plutão quadratura Vênus

Astrologia
Coluna da Monica


Liberte o fantasma que há dentro de você


O número 1 na numerologia significa entre outras coisas a independência, o começo de algo novo, o ímpeto, a objetividade; são todas características arianas. O número 1 representa Áries. E por que esse número associado a Plutão em aspecto quente com Vênus? 

Numa quadratura desses dois elementos o que podemos presumir? Que Plutão tratará de eliminar certas amarras de Vênus, seja ela financeira, sexual  ou amorosa. Plutão e suas obsessões. 

E o número 1 vem para dizer que se não der um novo espaço, e muito espaço diria, para começar um algo novo ou reinventar uma relação ou o seu financeiro ; o fantasma continuará a atrapalhar a sua caminhada, faltaria espaço, não haveria objetividade em começar o novo, e o número relacionado a Áries imaginem um carneiro correndo, pulando por cima de pedras, cercas sem olhar para os lados, se quebrando, sangrando mas indo em frente sem ver as consequências. Seria como comprar arroz de terceira e não retirar as pedras e sujeiras antes de cozinhar. Você cozinharia com certeza da mesma maneira o arroz, apenas que teria que teria que comer algumas pedras e sujeiras se sujeitando a quebrar um dente quem sabe, mas se você limpar  antes poderá come-lo sem a sujeira e sem perder alguma lasca do dente. Não invente mais Carma do que já tem.

O limpar antes de cozinhar consiste no desapegar, reconhecer o que se esconde de si mesmo, o podre, o oculto, são sentimentos de medo, sofrimento e paixão ao mesmo tempo mas que conduzirão a melhor transformação, não dá para cozinhar o arroz novo sem antes limpar a panela onde contém o arroz velho. Há que se dar lugar ao novo. Reconhecer onde esta a nossa treva é dolorido mas libertador, quase um orgasmo.

Um relacionamento pode acabar , pode-se encontrar uma nova paixão e como de costume com Plutão será arrasa quarterão. Ou mesmo o contrário, você querer manter o controle sobre a pessoa amada, controlá-la e achar que este posicionamento é o melhor a se fazer no momento. Ou quem sabe controlar até as finanças do outro, aí pode-se ganhar ou perder. Já que sabe que haverá pressão, conflitos de sentimento, antecipe você essas mudanças para quando vênus tocar plutão não sair tão ressentida. Em qual das casas do teu mapa natal caem esse aspecto? É ali a festa, corra para ver! 



6 de novembro de 2016

Taiko - 太鼓


Tambor japonês 


O Taiko une batida, dança , ginga, concentração e muito treinamento.





Apresentação em Musashi Kyuryo National Government Park em Saitama.
O Taiko e o Sumo sāo símbolos da cultura japonesa , apreciados pelo mundo como parte de uma cultura secular, um pouco fechada sim, mas de valores incomparáveis. 



Taiko - 太鼓


Tambor japonês 


O Taiko une batida, dança , ginga, concentração e muito treinamento.






3 de novembro de 2016

Ética e a falta dela - Corrupção de valores

Reprodução Facebook

Em tempos de ocupação de escolas por alunos jovens, guerreiros querendo mostrar o quão preocupados estão com o ensino , educação e futuro próprio e da sociedade , eis que aparecem alguns jovens e outros nem tanto carimbando essa foto como correta, como politicamente correta e mais; que isso é o correto sim! Alô!? 

Humberto Eco  diz que as redes sociais deram voz aos imbecis, e  a imbecilidade já era cometida antes das redes sociais, apenas não a liamos com tanta frequência como hoje. O jeitinho brasileiro já existia antes das redes sociais. O que vemos hoje é o reflexo da educação ou a falta dela no sentido moral e cívico. E o ego fala mais alto , porque na ânsia de mostrar o próprio ato em rede nacional a criatura faz um self do que ele é na verdade, dos atos que comete sejam eles bons ou ruins, o ego faz querer mostrar o quão poderoso pode-se vir a ser em rede social.

A própria pessoa divulgou em rede social e deixou aberto ao público exatamente aquilo que ele mesmo condena conforme postagens em seu perfil na rede social. E o post chegou até um grupo fechado no facebook com o nome de Clube da Alice e para espanto maior a jovem que compartilhou da  postagem, o fez 2 vezes e no seu perfil ela mostra videos e fotos de escolas ocupadas em nome do Ensino Médio. O Clube da Alice não compactou com a ideia desse post o deletando na primeira vez mas os jovens são insistentes rsss.

O mesmo "cidadão" que comete um ato de má fé contra um estabelecimento, procurando lesionar a quem cumpre com suas normas e regras  pede ensino melhor ao governo.  Não é lesionar no sentido de não pagar, mas o lesionar psicológico de quem esta cumprindo com seu dever, ou seja, ninguém no Mundo é obrigado a trocar dinheiro a não ser instituições financeiras quando na troca de moedas estrangeiras.

Podemos chamá-lo di cidadão?  Se sim, o chamaremos aqui.

Esse cidadão precisava efetuar um depósito de 95 reais no "BANCO" e possuia duas notas de 50 reais, e provavelmente pelo horário que conta no cupom da compra o banco já havia fechado e então ele recorreu ao jeitinho brasileiro de pedir um favor , veja bem, um favor de trocarem a nota de 50 reais no caixa do supermercado. Um favor não implica que a pessoa seja obrigada a fazê-lo mesmo porque dentro do estabelecimento existem normas a serem cumpridas e imaginem se todos como esse cidadão tomarem essa mesma atitude de pedir favorzinho de troca de dinheiro? 

Aqui vai a história relatada pelo próprio cidadão se intitulando como vingador fazendo alusão ao seriado Revenge.

Reprodução Facebook


Reprodução Facebook

O cidadão tomar uma atitude como esta um tanto insensata há de se pensar então porque ele agride governantes , estado, presidente sobre a educação e respeito que ele mesmo prega no seu perfil em rede social e na vida cotidiana vai na contra mão. As vozes  dadas sobre as redes sociais são controversas , quem publica contra o governo o chamando de corrupto e ladrão o faz no mesmo patamar. A corrupção esta em cada gesto como este, hipocrisia falar em roubo de governo quando a sociedade é conveniente com esse tipo de atitude. O que mais espantou foi o perfil das pessoas que apoiaram essa atitude insana. 

Há os que defendem a ideia de que isso não foi o correto, alguns repudiam mas os que apoiam parecem a maioria e olhando perfil das pessoas que apoiam vejo alunos universitários, mães que na foto do  perfil estão com seus bebes no colo, logo penso que ela ensinará isso ao filho como sendo boa conduta. Há também uma maioria de adolescentes que não sabem o sentido da palavra corrupção, educação e ética pensando que político é sinônimo de corrupto e que quem não o é pode ser bom cidadão. 

Adolescentes que ainda cheiram mijo na fralda e enchem de postagens sobre invadir escolas contra isso ou aquilo, que Lula é ladrão e Dilma safada, que o PT rouba. Por um acaso foi o governo que os ensinou que o Mundo é obrigado a trocar dinheiro para qualquer um que apareça no caixa de supermercado porque ele precisa fazer um depósito?  E como não de resposta a pessoa compra a cenoura mais fina do mercado achando que fez o melhor negócio e  aqueles 11 centavos entrou no caixa do  estabelecimento como venda a vista e  aquele é o preço da mercadoria. Quem perdeu ai? o mercado ganhou 11 centavos e o cidadão ganhou o quê? 

Reprodução Facebook

Reprodução Facebook

Reprodução Facebook

A maior insanidade vem de quem compactua com esse tipo de atitude, de quem fala que faria o mesmo. Talvez por ignorância ou falta da educação  de casa. Sim, de casa porque na escola se as desocuparem aprenderão ética na sociedade.

Que momento é esse que vivemos, o que fazer para sanar esse tipo de pensamento mesquinho e soberbo onde se procura tirar vantagem sobre tudo e todos. O cidadão no seu ímpeto de Revenge não se atentou ao fato de que ele perdeu 11 centavos para trocar o dinheiro, quem ganhou foi o mercado e o maior perdedor foi o vingador. 

A vingança tem seu preço, talvez depois de pegar a cenoura a tenha jogado fora, ou será que a levou para casa como Troféu da vingança. Quantos troféus esse cidadão deve possuir, quantas cenouras, tomates, batatas já não ganhou com sua atitude de vingador.

2 de novembro de 2016

Astrologia Karmica

Astrologia karmica
Coluna da Monica


Mapa Natal


Mapa sendo vivido - Signos, planetas e casas


Un signo tem um identidade pessoal, uma motivação  interna, às vezes oculta, que se manifesta através de um planeta e casa.

Um planeta é um mensageiro, intérprete do signo. Faz o signo acontecer. Os desejos dos signos são realizados pelo planeta regente.

Assim, Touro tem medo de perder a segurança ou algum bem. O desenvolvimento disso depende de Vênus ou de qualquer planeta em Touro.

Uma CASA é uma área  de atuação, palco. Ali marcam-se pontos, há visibilidade. Numa casa oculta, como as de água (4-8-12), é visível que há algo oculto.

Signo é dentro, é esotérico. Casa é fora, é exotérica.

Não dá para escapar das casas onde há planetas. Ex.: c/7 - relação com o outro.

Como parceria sentimental ou profissional, como a observação das pessoas.

Se você tem planeta na c/7, isso não lhe obriga a se casar ou se associar comercialmente ou a arranjar um rival. Mas, se quiser ter uma companhia, mesmo que as coisas não estejam "facinhas", ou que tenha se tornado um ermitão no Tibet, podes crer, essa companhia aparecerá. Os anjos dizem Amém para os aspectos do MA. Se vai dar certo é outra questão. No entanto, já deu certo:você se casou; não era o que queria?

Olhando as casas, você pode escolher ONDE certas coisas precisam, devem acontecer. O signo dará forma (da gestação) e a casa materializará ( o parto).

Como as casas são visíveis , se quer esconder dinheiro, por exemplo, é melhor não ter planetas na c/2.

Planetas são representantes dos signos, com funções psíquicas que fazem parte da estrutura da mente. E a mente não é Mercúrio. Ele são as ideias e pensamentos. Já a mente é composta de vários planetas, incluindo os transpessoais. Plutão é a função de eliminação e de transformação . Qualquer bebê, durante a fase anal, já é apresentado a Plutão.

Planetas são responsáveis pelo destino, pelo K. TODOS os planetas criam K. Quem diz que Saturno ou Lua são responsáveis pelo K está esquecendo o resto, superficializando a magnitute duma encarnação. Qualquer planeta tem seu dharma, seu dever e honra a cumprir. Fará isso através dos aspectos. numa casa e signo. Assim, Mercúrio cria K conforme o que fala, escreve ou gestícula. Mas, também, é seu dharma construir algo com o que fala. Se você acusa precipidamente, faz a K. Desculpa-se com sinceridade e faz compensação, criou dharma.

K é ação, não, necessariamente, ruim. Just action. Uma consequência de você estar vivo. Morto não tem K.

Cada planeta comporta-se conforme seu significado básico e posição no MA. O impulso da conquista e atitude de Marte expressa-se diferente de estiver em Libra ou Aquário, ou em c/2 ou 6.

Até a adolescência, esta-se em treinamento para o futuro. Algumas pessoas repetem padrões da infância mesmo depois de velhos, com carteirinha de idoso. É uma evolução mais lenta. 

Talvez estejam se preparando para mais tarde ainda. Daí que frustrações da adolescência podem ser vistas como resistência fortalecida ou ensinamento para enfrentar lutas futuras. Sem se queixar, pois isso só tiraria energia e significaria fracasso, incompetência, síndrome de Peter Pan.

Você pode fazer o que quiser durante sua vida inteira. Mas, quando morrer, morrerá com os aspectos do seu MA. Deve ser bonito ser enterrado junto ao MA, seu curriculum vitae. Aqui jaz uma Vênus quadratura Urano...

Por isso, se você tiver Saturno com Marte, ainda que você tenha sido um excelente construtor, nota 10, ou tenha construído uma vida ma-ra-vi-lho-sa, quando morrer, caro amigo, morrerá com algo inacabado: ação limitada, restrita por algo. Se construiu 200 casas em vida, morrerá sem finalizar a 201. E tenho a impressão que você sabe muito bem disso. Pare um pouco e pense: que situações você desconfia que ficarão inacabadas quando morrer?

Trecho do livro Conhecimento da Astrologia Karmica (ou da participação) Vol l de Anna Maria Costa Ribeiro - 

Para aquisição dos livros clique Urantiam 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...