19 de novembro de 2016

Como usar o Ego

Coluna da Monica
Atena /Minerva


Seria de bom grado estar atento ao ego inflado porque ele pode te cegar e ensurdecer. Muito comum a pessoa querer ser vista e lembrada mas na contramão faz pouco caso do que o outro cria.

Gostam de mostrar o que fazem mas não se importam com o que os outros estão fazendo. 

Gostam de receber elogios mas não elogiam quem esta bem próximo.

Divulgam e compartilham apenas o que lhes deu prazer, e isso é normal, afinal ninguém compartilha o desprazer, mas o que daria prazer ao ego inflado? o que lhe sustenta? 

Gostam de ganhar favores sem oferecer nada em troca.

Gostam de serem apreciados mas pouco apreciam nos outros.

Receber um favor é como servir ao Rei, súditos fazem o favor ao Rei.

Nada de Freud e Kant aqui, porque existem textos já demasiadamente sobre esse mesmo tema e mais parecem cópia fiel de estudos de Freud e Kant. Claro eles foram ótimos mas vocês também devem ser. 

Particularmente quando inicio uma leitura e antes de chegar no segundo parágrafo vejo citações de Kant ou Marx termino ali a leitura. Será que ainda teremos que ouvir o que os outros disseram antes de nós para continuarmos? Seria falta de criatividade? O ego gosta de criações, use-o.

Percebe-se também em atividades de ensino quando muito se sabe e pouco se ouve , comumente propagam seu ensino mas pouco quer saber do ensino de outro. 

Sobre Kant e Marx e seus afiliados os conheci nos estudos de Metodologia cientifica e o ego sempre foi motivo de estudos para mim que sou curiosa a respeito do universo humano, os adorei mas chega. 

Que tal pegar o seu Ego para mostrar o novo para quem tem sede de conhecimento? Que tal agregar conhecimento usando o que tens de maior, ou seja, o seu  Eu.

Os vizinhos japoneses

Hoje a minha vizinha veio me presentear com doces como forma de pedido de desculpas caso o choro do seu neném me perturbe. É comum ...